O TRATAMENTO COMPLETO

Clive Staples Lewis

30/07/2017 - Acho que muitas pessoas já se aborreceram com as palavras divinas: 'Sejam perfeitos'. Alguns parecem achar que isso significa: 'enquanto vocês não forem perfeitos, eu não os ajudarei'; e como não conseguimos ser perfeitos, se Cristo quisesse dizer isso mesmo, nossa situação seria desesperadora. Porém, não acredito que ele quis dizer isso mesmo. Desconfio que ele quis dizer: 'A única ajuda que eu lhe darei será para você se tornar perfeito. Você pode até querer algo menos, mas eu não lhe darei nada menos do que isso'. Deixe-me explicar. Quando criança, muitas vezes eu tinha dor de dente, e sabia que, se eu falasse com a minha mãe, ela me daria algo que pararia com a dor durante aquela noite e me deixaria dormir. Mas eu não procurava a minha mãe pelo menos não até a dor ficar realmente intensa. E eu tinha boas razões para tanto. Eu não duvidava que ela me daria a aspirina; mas eu sabia que ela faria algo mais. Eu sabia que ela me levaria ao dentista na manhã seguinte. Eu não podia obter dela o que eu estava querendo a não ser recebendo algo mais, que eu não queria. Eu desejava alívio imediato da dor; mas eu não o podia obter sem ter os meus dentes tratados permanentemente. E eu conhecia bem os dentistas; sabia que eles começariam a tratar outros dentes que ainda não tinham começado a doer. O lema deles é que é melhor prevenir do que remediar e, se você lhes dá um dedo, eles querem a mão toda. Agora, se eu puder colocar dessa maneira, o Nosso Senhor é como um dentista. Se você lhe estende um dedo, ele pegará toda a mão. Muitas pessoas o procuram para serem curadas de algum pecado particular do qual têm vergonha ou que obviamente está assolando sua vida diária. Bem, ele o curará, sim; mas ele não irá parar por aí. Pode até ser que isso seja tudo o que você tenha pedido a ele; mas, uma vez que você o chame para entrar, ele lhe oferecerá tratamento completo.


Voltar para pastorais